Parque Centenário (Jardim das Preguiças) Barra Mansa RJ



Inaugurado no dia 7 de setembro de 1880, o Parque Centenário, popularmente conhecido como Jardim das Preguiças, foi projetado pelo francês Auguste François Marie Glaziou, conhecido como “o paisagista do império”, por sua relevante atuação em projetos de jardins e parques que transformaram a paisagem brasileira no séc. XIX. Em 1948, foi inserido no parque o primeiro bicho-preguiça, originário das áreas de Mata Atlântica em Angra dos Reis, seu habitat natural. Além das preguiças, ao longo dos anos foram introduzidas cutias, saguis, peixes, marrecos e patos. Em 1950, foram edificados o coreto e os pórticos do parque. Nas décadas seguintes, o parque sofreu intervenções que o descaracterizou completamente, tendo sido remodelado em 1991, pelo celebre arquiteto paisagista Roberto Burle Marx. Em outubro de 2015, o Parque Centenário passou por um processo de revitalização para a criação de um sub-bosque, com o objetivo de garantir a alimentação dos animais que habitam o local. Algumas árvores que traziam riscos aos frequentadores foram removidas e outras mil mudas de espécies nativas da Mata Atlântica foram plantadas, tais como: embaúba, paineira, figueira-vermelha, pau-brasil, entre outras. No dia 6 de novembro de 2015, o Decreto Municipal nº 8.282, criou o Parque Natural Municipal Centenário - Complexo Auguste François Marie Glaziou.

Nenhum comentário: