Fazenda Rochinha - Barra Mansa RJ


Uma das fazendas mais antigas da região, fontes registram sua construção por volta de 1717. A fazenda Cachoeira, seu nome primitivo, dedicou-se inicialmente ao plantio da cana para a produção de açúcar e aguardente. Com a chegada avassaladora do café na região, Cachoeira aderiu à nova cultura que ocupou o Vale do Paraíba por todo o Brasil Império constituindo-se no principal produto da economia brasileira no período. Em 1878 o proprietário da fazenda, Antônio José Lomba de Abreu, doou grande parte de suas terras para a construção de ruas, casas, prédios públicos, praças, cemitério, igreja e a estação ferroviária de Floriano, contribuindo para o desenvolvimento do povoado, depois distrito de Barra Mansa. Em 1904 a propriedade foi vendida por 30 contos de réis por dona Genoveva Hummil Jardim a Vicente Miglioli e depois, por herança, passou a Antônio Fontes Rocha, de quem Miglioli era padrasto. Posteriormente, a fazenda, que até hoje permanece na família, passou às duas filhas de Antônio, Ângela Maria Rocha Silva e Anna Lucia Gilly Rocha. Antônio Fontes Rocha, conhecido por Rochinha, daí o nome atual da fazenda, retornou ao cultivo da cana de açúcar para a produção da cachaça artesanal “Rochinha”, que pela sua excelente qualidade recebeu prêmios no Brasil e no exterior. Ilustrando e enfatizando o nome original da fazenda, até hoje é a água que girando a enorme e antiga roda d’água metálica produz a força que faz a moagem da cana para a obtenção do caldo para produzir a cachaça. A fazenda explora também a pecuária de leite e de corte, a piscicultura e subsidiariamente produz doce e outros produtos típicos da roça.
Localiza-se no distrito de Floriano.
www.rochinha.com.br

Nenhum comentário: