Fazenda Santa Rosa - Valença RJ


A Santa Rosa foi fundada no início do séc. XIX, e teve suas atividades agrícolas e instalações ampliadas no decorrer do século. O primeiro fazendeiro a investir na propriedade foi Eleutério Delfim da Silva, que comprou a Santa Rosa em 1839. Já na segunda metade do séc. XIX a fazenda passou pelas mãos de João Pereira Darrigue Faro, Antônio Vieira Machado, e do Comendador Manoel Antônio Rodrigues Guião, até ser adquirida em 1871 por Vito Pentagna. Além de produzir café, açúcar, milho, e algodão, o senhor Vito Pentagna, importou de um castelo da Inglaterra um engenho completo, e deu inicio à produção da cachaça. Há três gerações a família Pentagna Guimarães mantém intacta e extremamente bem conservada a magnífica fazenda. O casarão preserva sua construção original, os mobiliários da época e o engenho ainda é movido por uma roda d’água de oito metros de altura. A Cachaça Santa Rosa é a única do Brasil produzida em alambique de cobre que é 100% isenta de resíduos deste metal, furfurol ou óleo fúsel.

O acesso para a fazenda Santa Rosa fica à esquerda da rodovia RJ-145, cerca de um quilômetro após o bairro do Cambota, no sentido de quem vai da cidade de Valença para a de Rio das Flores.

Nenhum comentário: