Catedral de Nossa Senhora da Glória - Valença RJ

Em substituição à capela dos índios Coroados, em 1820, deu-se início à construção, em pedra e cal, do corpo principal da igreja em estilo colonial. Anos mais tarde, 1857, através de concessões de loterias, o consistório e obras em talha da capela, são concluídos. Até 1871, o templo era despido de torre, existindo apenas um campanário em um ponto pequeno ao lado da igreja, desde então deu-se início a construção de duas torres que recebeu, uma delas, um relógio francês.  Em 1917 além de reconstruídas  as torres do templo  que haviam sido demolidas por motivo de desabamento, a matriz de N. S. da Glória tem sua fachada remodelada  adquirindo então elementos da arquitetura eclética, aspecto que ostenta atualmente. A catedral de N. S. da Glória impõe-se à cidade do alto de uma ladeira, sendo alcançada por uma escadaria em cimento na fachada e de cantaria na lateral. Sua planta segue o esquema das igrejas do século XVIII, com nave central e dois corredores laterais. Atualmente sua fachada apresenta linhas ecléticas mescladas com o colonial e neoclássico. Internamente mantém suas características originais do neoclássico. As manifestações artísticas de maior interesse que se destacam são: A imagem de N. S. da Glória em madeira policromada feita na Europa em 1866, obras de talha da capela – mor e diversas outras imagens em madeira como a de São Miguel Arcanjo .
Localização: Praça Padre Gomes Leal, nº 365, Centro.
Horário: De segunda à domingo das 6:30h às 18:00h
Telefone(s): (24) 2453-4248 / 2453 4042

Nenhum comentário: