Igreja Matriz de São Sebastião - Barra Mansa RJ


A Paróquia de São Sebastião teve sua construção iniciada em 1838, pelo padre Manoel José de Castro. No ano seguinte, foi fundada a Irmandade do Santíssimo Sacramento e São Sebastião de Barra Mansa, responsável pela arrecadação de recursos para a construção da igreja, que foi totalmente concluída em 1860. O autor do projeto arquitetônico foi Grandjean de Montigny, arquiteto francês de grande importância no desenvolvimento da arquitetura no Brasil, membro da chamada Missão Artística Francesa, que chegou ao Brasil no início do século XIX. O relógio conservado até os dias atuais na fachada da Igreja foi doado pelo Dr. Joaquim de Oliveira Machado, em 1875. Entre os anos de 1958 a 1962, a Igreja Matriz passou por uma reforma que alterou significativamente a sua forma, interna e externamente. Com o objetivo de aumentar o espaço físico para acolher o número crescente de fiéis, as paredes laterais do presbitério foram demolidas para a construção de colunas, o que possibilitou a ampliação do espaço e a construção do andar superior. As duas fileiras de portas e janelas das fachadas laterais, originalmente de verga reta, foram transformadas em seteiras com vitrais coloridos. O altar-mor, os elementos decorativos, o piso e a porta principal também sofreram alterações.
A Igreja Matriz de São Sebastião, que em 2019 completa 180 anos, faz parte de um importante conjunto arquitetônico característico da época de formação da cidade, sendo um de seus núcleos geradores.

Nenhum comentário: