Serra da Índia

“Quem passar pelas mediações de Itatiaia, olhando na direção dos Três Picos de Penedo, verá o perfilar de uma mulher deitada. É Jandira, a índia petrificada, à espera de seu amado Jatyr, que nunca mais voltou…”.

Conheça a lenda de Jandira...

Há alguns séculos atrás, quando na região ainda existiam os índios Puris, contava-se a respeito do velho cacique Caboaçu que tinha uma filha, Jandira, que era cobiçada pelos índios da tribo. Porém, somente Jatyr a conquistou, já o cacique queria dá-la a Gurupema, o mais forte da tribo que desejava ser seu sucessor. Gurupema sentiu-se rejeitado por ela e seguiu seus passos até descobrir que ela amava Jatyr. Então, ele revelou o segredo ao cacique, que colocou Gurupema em batalha de vida e morte com Jatyr. Somente o vencedor teria como prêmio à filha do Cacique. Jatyr era exímio atirador com arco e flecha e humilhou seu rival perante toda a tribo, atirando-lhe a flecha que atravessa a cada instante uma orelha de Gurupema, que, envergonhado fugiu pela mata adentro. Jatyr recebeu sua amada como companheira e foram felizes por muito tempo. Certa época, um índio chegou exausto e espavorido, notificando que a tribo dos Índios Emboabas se punham a caminho, depois de terem expulsado os Tamoios da Cordilheira do Mar. O cacique Caboaçu ordenou a fuga da tribo, quando Jatyr interveio dizendo que iria ao encontro dos Emboabas. No caminho, foi atingido, morto por uma flecha traiçoeira, desferida por Gurupema. Logo depois, Gurupema surgia na tribo afirmando que os Emboabas se aproximavam guiados por Araribóia e por Jatyr, que os havia traído. O velho Piaga-Pajé, sacerdote, chefe espiritual dos índios, prenunciou a morte da índia e a imortalidade de seu corpo, transformado em pedra, com a forma das cordilheiras que cerram o Vale.

6 comentários:

Marcelo Manhães disse...

Sou um admirador do seu blog tomei a liberdade e postei o link do seu Blog no meu Blog e na minha lista de Blog que sigo.
Espero que o amigo não leve a mal.
Um grande abraço.

Marcelo Manhães.

http://larmarcelohistorias.blogspot.com/2011/06/blog-turismo-vale-do-cafe.html

Anônimo disse...

Puxa vida voce está de parabéns, porque além de bom português, voce se expressa como um romancista, nunca deixe de pesquisar e nos dar cada vez mais essas pérolas do nosso passado no Brasil!

Anônimo disse...

Parabéns ... de novo, pois seu blog é super.

Moro em Itatiaia e para quem quiser se aventurar, pode-se também fazer excelentes passeios nessa região, a pé, cavalo. A serra é linda!

Tatiana Souza Silva Alves disse...

Também moro em Itatiaia e essa lenda aprendi na escola! É muito linda.. Assim como a serra.

Tatiana Souza Silva Alves disse...

Também moro em Itatiaia e essa lenda aprendi na escola! É muito linda.. Assim como a serra.

Tatiana Souza Silva Alves disse...

Também moro em Itatiaia e essa lenda aprendi na escola! É muito linda.. Assim como a serra.