Fazenda São Joaquim das Ipiabas - Barra do Piraí RJ

Localizada na Rodovia RJ-137, no distrito de Ipiabas, a Fazenda São Joaquim das Ipiabas foi uma das fazendas pioneiras da margem esquerda do rio Paraíba do Sul, fundada por volta de 1820, pelo capitão Joaquim José Pereira de Faro, mais tarde, primeiro barão do Rio Bonito. Conforme o referido documento do inventário, iniciado em 1854, a Fazenda São Joaquim das Ipiabas constava com as seguintes características: casa de vivenda com oratório para missas, botica e enfermaria, engenhos de serrar, secar e despolpar café movidos por água, moinho de fubá de milho, atafona para secar mamona, prensa para farinha de mandioca, terreiro de pedra, casa com tabuleiros para secar café despolpado, 249.000 pés de cafés e outras mais benfeitorias. Havia também tropas para transporte de cargas, gado e aproximadamente 240 escravos de ambos os sexos e variadas idades. Consta no livro “América Austral”, que traz uma coletânea de cartas, o relato de um viajante português, de nome Antônio Lopes Mendes, que visitou a fazenda em 1883, São Joaquim das Ipiabas possuía, nessa época, cerca de 500.000 pés de café, plantações de milho, feijão, arroz, tabaco, mandioca, cará, araruta e criação de porcos. Além de muitas árvores frutíferas, tais como laranjeiras, cajueiros, mangueiras, jaqueiras, pessegueiros e bananeiras. Atualmente está sendo restaurada.

Nenhum comentário: