Fazenda Rialto - Bananal SP

Estas duas fotos da Fazenda Rialto, localizada à 10km do centro histórico de Bananal (sentido Arapeí), retratam muito bem o descaso com a nossa história. A primeira foto, atual e de minha autoria, nos mostram a construção do que virá a ser a nova sede da Fazenda Rialto, que era conhecida até 1842, como “Fazenda da Arribada”, por terem ali arribado as tropas de Caxias que regressavam de Silveiras (Revolução Liberal). Após o fim do ciclo do café, a fazenda sofreu com o descaso, e assim desapareceu uma das mais requintadas fazendas. Faziam parte da decoração da casa, guirlandas, papéis de parede e ornamentação branca folheada a ouro no forro, havia também uma capela, com altar de madeira policromada e dourada. A propriedade pertenceu ao Barão de Ribeiro Barbosa, e foi nesta época que a sede da fazenda recebeu um dos mais importantes conjuntos de pinturas ambientais, atribuídas ao pintor José Maria Villaronga. Nada restou desta histórica fazenda, que chegou a possuir uma estação da Estrada de Ferro Ramal Bananalense, inaugurada em 1883.

*A foto abaixo, do autor Marcos José Carrilho, retrata uma das pinturas que existia na sala de jantar, que nos mostram exatamente como era a fazenda no século XIX.

11 comentários:

Dousseau disse...

Bom dia!Por essa fazenda também passaram e deixaram marcas os imigrantes franceses.Amei ver essa pintura acima,com uma idéia do que teria sido a primeira sede!Maravilha!Tinha apenas uma pequena foto da fachada da segunda (que está à sua disposição,segundo as disposições do dono,é claro!).Você tem informações sobre até quando teria durado essa aparência da foto acima??
Outra pergunta:você sabe se o bairro Rialto,acho que em Barra Mansa,tem alguma relação com essa fazenda,tipo continuidade na extensão??Até onde ela ia,exatamente e em que direções?
Obrigada!

Nikson Salem disse...

Boa tarde, Dousseau.
Fiz algumas mudanças no texto, pois assim que vou conseguindo novas informações, vou adicionando à postagem.
A aparência desta primeira edificação da fazenda, durou até o fim do ciclo do café, depois, graças à vários proprietários, passou por constantes reformas, que a descaracterizaram totalmente. Em 1997, começou a construção desta nova sede, onde somente o alicerce da antiga foi aproveitado.
Em minhas pesquisas, não encontrei o porque da troca do nome da fazenda, antes conhecida como Fazenda da Arribada.

Há uma versão de que o Distrito de Rialto, em Barra Mansa, foi denominado em 1944 pelos proprietários da fazenda Rialto, em Bananal SP.

Anônimo disse...

Bom Dia, trabalho para o dono da fazenda Rialto, e trabalho na propria Fazenda que está em reforma e onde se localiza o escritório da empresa, gostaria de saber onde de onde você tirou esta imformação, e complementar que a fazenda Rialto pertencia ao mesmo dono do Rialto em Barra Mansa, ele se orgulhava em dizer que era dono do Rialto de cima e o Rialto de Baixo "Frederico Amante"

Nikson Salem disse...

Bom dia, as informações contidas na maioria dos textos do blog, são resumos que faço de pesquisas realizadas em livros e internet.

O Sr. Frederico Amante foi também proprietário de outras fazendas no distrito de Rialto, como Cachoeira, Pavão, Santa Luzia, Cafundó
e Santa Cruz.

Caso o senhor Frederico possa nos dar maiores informações sobre a história da fazenda ou nos dizer algo que saiba à respeito da escolha do nome Rialto, ficaria muito agradecido!!

Quase nada é encontrado sobre o histórico desta fazenda, nem mesmo em livros da cidade de Bananal, cabe a nós tentar preservar um pouco da história dessa importante e bela Fazenda Rialto.

Dousseau disse...

Obrigada,Nikson!
Tenho muita informação sobre a Rialto no período que compreende o final do século XIX e começo do XX.Entretanto,essas informações jamais serão encontradas no Município de Bananal,e sim no Museu Histórico e Pedagógico Major Novaes,em Cruzeiro.Na época,havia um litígio pela posse da mesma envolvendo o Barão Ribeiro Barbosa,o Banco de Crédito Real e os senhores Fombell e Charles Chaminant,imigrantes franceses.Acaso poderia o senhor Frederico esclarecer alguma coisa à respeito?Acredito que os proprietários posteriores à esses tenham adquirido a fazenda ja penhorada em lotes bem menores que sua dimensão original...Estou à disposição para troca de idéias e informações.
Abraços!

Arthur disse...

Meu caro Dosseau:
Meu nome é Arthur Imperatori e foi de meu pai (Aldo Imperatori) que o Sr. Frederico Amante Neto então proprietário da Tranportadora Volta Redonda adquiriu a Fazenda Rialto na decada de 60. Ele (meu pai) era industrial em Barra do Pirai quando da venda da referida fazenda.
Tive o prazer de passar muitas férias na fazenda e me lembro dos banhos de cachoeira das longas cavalgadas com o "Rosado" e o "Baião" dois cavalos inesqueciveis . Foi por acaso que eu descobri na sala de jantar uma das pinturas a qual vc se refere era uma vista geral da fazenda no seu auge em que se podia ver inclusive o trensinho, uma maravilha,a capela ficava bem na frente da porta de entrada e era abitada por milhões de morcegos, naquele onde eram os patios de secagem foram feitas hortas e havia ainda um decedente de escravos. que morava lá.No porão da sede foram encontrados "ferros de contenção" leia-se algemas presas as paredes depois meu pai mandou aterrar para fazer o ambulatório veterinário. Estas são algumas lembranças que espero ajudem na história desta maravilhosa Fazenda .
De um saudoso amigo
Arthur Baisch Imperatori

guto disse...

quando crianca passei muitas ferias e finais de semana em uma fazendo que pertenceu ao "chico amante" irmao do "frederico amante". essa fazendo esta situada a 7 Kilometros do centro de Rialto, numa pequena estrada que vai parar em alguma parte do interior de sp. seria dessa fazenda essa foto acima?
obrigado
Luis Velozo

Nikson Salem disse...

Olá Guto, pela sua descrição a fazenda que o senhor se refere é a fazenda Sobradinho, situada em Rialto, distrito de Barra Mansa. Em frente a propriedade passa uma estrada de terra que vai até Arapeí, pequeno município Paulista.

Um abç

Dousseau disse...

Arthur!
Somente hoej tomo conhecimento do seu post. Perdão. Agradeço por compartilhar de suas lembranças. Muito mesmo. Como o assunto "Fazenda Rialto" me interessa muito, peço-lhe a gentileza de, caso tenha outras informações e deseje compartilhar, por ser encontrada no Orkut ou no Facebook como Marly Dousseau Mayrink. Obrigada, mais uma vez! Abraços!

Anônimo disse...

Infelizmente o senhor Frederico nunca poderá esclarecer suas duvidas, já que faleceu a 40 anos atrás, sinto muito, tente os moradores mais idosos das proximidades da fazenda.

Conservadora e Restauradora de Bens Patrimoniais e Culturais disse...

Muitos fatos curiodos