Fazenda Três Barras - Bananal SP

Não se sabe ao certo a data da construção da sede desta fazenda, somente que em 1813 ela já pertencia ao capitão Hilário Gomes Nogueira. Em 1822 hospedou o príncipe D. Pedro em suas viagem à São Paulo que culminou com o grito do Ipiranga. A sede da fazenda ainda mantém a arquitetura preservada, as salas, os 28 aposentos planos, os móveis, a adega, um coreto, e o aposento duplo usado pelo Príncipe D. Pedro, neste aposento dormiu também Juscelino K. de Oliveira quando Presidente da República, numa visita à Bananal. Hoje transformado em Hotel Fazenda, com capacidade para hospedar 84 pessoas, o turista pode desfrutar de todo o lazer oferecido, como: piscinas, saunas, charrete, cavalos, lago para pescar e pedalinho, quadra de tênis, futebol e vôlei, sala de jogos, mini golfe, além de uma grande área verde para você relaxar e curtir a natureza.
Rod. dos Tropeiros (SP 066) Bananal - SP - Tel: (12) 3116-1356 / 3116-5667

2 comentários:

Michel Schanuel Girardi disse...

Você esqueceu de escrever um fato importante na história dessa fazenda: que seu amigo Michel (no caso eu) se casou lá! hehe

Lisa disse...

Hilário Nogueira era o proprietário da FAZENDA OLARIA, em São João Marcos (Rio Claro/RJ). Hospedou D. Pedro para o grito do Ipiranga, e de lá levou 4 rioclarenses para acompanhá-lo, inclusive mais tarde, um deles, o Comendador Breves (Joaquim José de Souza Breves), tornou-se o REI DO CAFÉ do BRASIL. Os outros eram dois filhos de Hilário. Um outro, voltou, porque seu pai estava mal, e no final das contas, seguiram somente três dragões. Não sei se ele foi dono das Três Barras, mas da Fazenda Olaria, com certeza.